Renan Calheiros vai dar continuidade ao impeachment

O presidente do
Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), comunicou nesta segunda-feira (9) ao
plenário da Casa que decidiu dar continuidade à tramitação do processo de
impeachment da presidente Dilma à revelia do ato do presidente em exercício da Câmara,
Waldir Maranhão (PP-MA), que anulou a votação do dia 17 de abril. A decisão foi
tomada após consultas ao regimento interno do Senado e conversa com líderes
partidários na residência oficial do Senado.
Com a decisão de Renan Calheiros de dar continuidade à
tramitação do processo de afastamento, deverá ser lido ainda nesta
segunda-feira, no plenário do Senado, um resumo do parecer da comissão especial
do impeachment que recomenda a instauração do processo pelo Senado. Após a leitura, o resumo será publicado no “Diário Oficial do
Senado” e começará a contar o prazo de 48 horas para que o relatório possa ser
votado pelos senadores. A sessão de votação do parecer está prevista para
iniciar na manhã desta quarta-feira (11).
Eva Cristian – Equipe FJNotícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *