Dois corpos são encontrados carbonizados em um veículo

Dois corpos carbonizados foram encontrados dentro de um veículo no município de Pacajus, na Área Integrada de Segurança 13 (AIS 13), Região Metropolitana de Fortaleza neste domingo (10). Existe a suspeita de que um dos cadáveres seja de um policial militar, mas conforme a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), devido ao estado dos corpos não foi possível fazer a identificação.


Segundo a SSPDS, pela manhã, equipes da Delegacia Metropolitana de Horizonte e da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) foram acionadas pela Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops) para uma ocorrência de um veículo queimado com dois corpos dentro. Os policiais civis e peritos chegaram ao local e iniciaram o trabalho de coleta de provas materiais e informações com testemunhas que possam auxiliar os trabalhos de investigação do caso.


De acordo ainda com a Pasta, devido ao estado em que os corpos foram encontrados, não é possível saber a causa das mortes. Os cadáveres foram levados para a sede da Pefoce, em Fortaleza, onde serão submetidos a exames periciais. A Polícia Civil está em diligência no sentido de elucidar como se deu a ocorrência.


Além da suspeita de que um dos mortos seja um PM, há ainda a probabilidade de que a outra vítima seja um taxista. A SSPDS confirmou a suspeita, mas disse que não é possível afirmar a identificação até que sejam realizados os exames na Pefoce e testes de identificação.


Denúncia


A Polícia Civil reforça que a população pode contribuir com as investigações repassando informações que possam ajudar na elucidação do crime. As denúncias podem ser feitas pelo número 181, o Disque Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), para o (85) 3257.8807, da DHPP, ou ainda para o número (85) 99111.7498, que é o WhatsApp da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa, no qual podem ser feitas denúncias via mensagem. O sigilo é garantido.
Fonte: Diário do nordeste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *