Bebê transferido por helicóptero do CIOPAER não resiste

O pequeno Davi, de 5 meses, que havia sido transferido para a capital Fortaleza, não resistiu a uma grande insuficiência respiratória e faleceu na noite de ontem.

Entenda o caso:


Por volta das 10h deu entrada na Hospital Casa de Saúde Adília Marial de Boa Viagem, um bebê de 5 meses apresentando um quadro de insuficiência respiratória, e de imediato a equipe médica de plantão formada por Dr. Lucas Severo, Dr. Francimar, chefe de enfermagem Drª Érica Régia, enfermeiras Nágila, Lucineide e Edna, fizeram os procedimentos necessários, e devido a gravidade do quadro clínico da criança, que teve parada cardíaca, foi solicitada pela diretora do hospital, Drª Raquel de França,  uma unidade avançada do SAMU e um helicóptero da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (CIOPAER), que fez a transferência do pequeno Davi Rodrigues da Silva, residente no Bairro Queiroz, para o Hospital Valdemar Alcântara em Fortaleza.
  
A equipe médica manteve Davi respirando através de oxigenação mecânica, onde e enfermeiras se revezaram das 10h da manhã até o momento da chegada da equipe especializada do transporte aéreo médico para entubação e  transferência do bebê.
Ouça entrevistas exclusivas com a Chefe de Enfermagem, Drª Érica e com o socorrista do SAMU, Diego Alves, nas repórtagens de Eva Cristian e Papaléguas:

FJNotícias – Repórters Eva Cristian e Papaléguas. 
Fotos: Epitácio Menezes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *